Loading...
Loading...

Conheça os fundos que apostam neste negócio de 50 mil milhões

Os fundos de capital de risco e private equity estão de olho num mercado que vai valer 50 mil milhões de dólares em 2026. A venda legal de marijuana vai triplicar nos próximos cinco anos nos Estados Unidos. De acordo com uma pesquisa do ArcView Market Research, as previsões apontam para uma taxa de crescimento anual na ordem dos 26%, até chegar aos 21,6 mil milhões de dólares em 2021. O crescimento meteórico desta indústria em expansão não passa despercebido ao mundo empresarial, com startups e investidores muito atentos ao fenómeno e com vontade de arriscar e apostar em negócios nesta área. De acordo com a Investopedia, são já vários os fundos de capital de risco e private equity que investiram centenas de milhões de dólares em projetos relacionados com a venda de marijuana nos Estados Unidos.

Loading...

GNR: Ericeira – Desmantelada estufa com 755 plantas de cannabis

No âmbito de uma investigação de produção/tráfico de estupefacientes no interior de um armazém naquela localidade, os militares abordaram um indivíduo que se deslocava para o interior da instalação. Dando sinais de nervosismo perante a patrulha, foi realizada uma busca no interior do armazém onde foram encontradas várias estufas de cultivo de plantas de cannabis, tendo sido apreendido:

Loading...
Loading...
Loading...

PS e PCP “com abertura” para aprovar uso terapêutico

Comissão Nacional do PS vota este sábado uma moção da JS nesta matéria

Moção Vai hoje a votos, na Comissão Nacional do PS, uma moção da JS no sentido de que o partido debata a legalização das chamadas “drogas leves” e promova iniciativas legislativas nesse sentido. Ivan Gonçalves, presidente da JS, está otimista: “Há boas possibilidades de ser aprovada.” Já a deputada Luísa Salgueiro, responsável pela área da saúde, assume “abertura da parte do PS para, face a uma iniciativa legislativa nesse sentido, votar a favor da legalização do consumo terapêutico”. Mas afasta a hipótese de que seja o PS a propor: “Não consideramos o assunto prioritário, por isso não o lideramos.” Quanto à legalização do consumo recreativo, a parlamentar não crê “ser o momento para uma facilitação do acesso, já que é a substância cujo consumo mais tem subido na população mais jovem.”

Read More »PS e PCP “com abertura” para aprovar uso terapêutico

Loading...

Socialistas querem discutir legalização da canábis

Legalização da canábis em Portugal

Um grupo de militantes da Plataforma Socialista pela Legalização da Canábis quer que a direção do PS coloque a moção setorial apresentada pela JS sobre este tema, na agenda da próxima reunião da Comissão Nacional, entre janeiro e fevereiro.

“Com a contribuição do PS, Portugal é hoje uma das referências mundiais em relação à despenalização do consumo de drogas”, razão pela qual se entende que “estão criadas as condições políticas e sociais para a legalização e regulamentação do consumo da canábis”, lê-se no documento enviado à agência Lusa, que tem como primeiro subscritor o militante do PS/Lisboa Luís Filipe Figueiredo.

Socialistas querem discutir legalização da canábis

Socialistas querem discutir legalização da canábis

“A Plataforma Socialista Pela Legalização da Canábis apela para que o PS inicie de imediato uma discussão pública sobre a legalização da canábis, envolvendo a sociedade civil, e principalmente procure dar voz aos consumidores, cuja defesa é o princípio e o fim de todas as políticas sobre a matéria”, refere-se na mesma nota.

Esta plataforma de militantes socialistas apela para que na próxima Comissão Nacional do PS seja agendada e apoiada a moção sectorial apresentada pela JS no XXI Congresso Nacional do PS, que se realizou em junho passado, na Feira Internacional de Lisboa.

Read More »Socialistas querem discutir legalização da canábis